Notícias

ESTAMOS DE OLHO

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Justiça cassa mandato de prefeito de Curiúva

Segundo a sentença, assinada pela juíza Vanyelza Mesquita Bueno, a coligação encabeçada por Mainardes falsificou recebidos de campanha e arrecadou dinheiro após o término do pleito

A Justiça Eleitoral cassou nesta terça-feira (12/01) o mandato do prefeito de Curiúva, no Norte Pioneiro, Márcio da Aparecida Mainardes (PMDB) por irregularidades cometidas em sua prestação de contas durante a campanha eleitoral de 2008, quando disputou a reeleição. Segundo a sentença, assinada pela juíza Vanyelza Mesquita Bueno, a coligação encabeçada por Mainardes falsificou recebidos de campanha e ainda arrecadou dinheiro após o término do pleito.

Com as contas reprovadas, o Ministério Público ofereceu a denúncia à Justiça que deferiu o pedido de cassação. Além de Márcio Mainardes, a atual vice-prefeita, Edna Aparecida Alves Yassuhara (PRB) também teve o seu mandato cassado.

Com a decisão, a Justiça Eleitoral vai empossar nesta quarta-feira (13) o presidente da Câmara, Marcelo Proença (PRP) no cargo até que seja realizada uma nova eleição na cidade para escolher o novo prefeito. O novo pleito deve ser realizado em até 90 dias.

Márcio Mainardes foi procurado pela reportagem em seus telefones mas ele não atendeu as ligações. O chefe de gabinete da prefeitura Reinaldo Vicentim disse que o prefeito já está recorrendo da decisão e deve protocolar um pedido no Tribunal Regional Eleitoral para responder o processo no exercício do cargo.

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial