Notícias

ESTAMOS DE OLHO

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Para Requião, acordo com PT é ilegítimo


Aniele Nascimento Gazeta do Povo

Requião: “Qual quer partido deve pensar em ter candidato próprio à Presidência”

O governador Roberto Requião (PMDB) sinalizou que está disposto a comprar briga com a
cúpula nacional do partido que anunciou na semana passada que vai selar uma aliança com o PT para apoiar a candidata à presidência da República, ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT). Para o governador, o acordo não tem força de decisão partidária porque não foi realizada convenção.
“Não houve decisão nenhuma, aquilo foi uma farra de um jantar e não tem nenhum aspecto legal. Eu não reconheço a autoridade de meia dúzia de comensais que, depois de tomar um bom vinho e comer um bom ragu (do francês ragoût, tipo de carne ensopada, encorpada, e com molho abundante), resolve dizer para todo o partido o que deve fazer”, disse. “Num jantar, o máximo que podem fazer é um arroto depois da sobremesa”, ironizou. A declaração foi feita no sábado, durante convenção municipal do partido, em Curitiba.
O pré-acordo eleitoral foi acertado na última terça-feira pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente licenciado do PMDB, deputado federal Michel Temer. O PMDB negociou a indicação do vice de Dilma, participação na coordenação da campanha e na elaboração do plano de governo da candidata.

No discurso para secretários de estados, deputados, vereadores e militantes do PMDB, Requião conclamou todos a engrossar o movimento que será lançado no dia 21 de abril em Curitiba, quando o partido pretende reunir governadores e presidentes de diretórios que também não concordam com o processo de aliança conduzido pela cúpula. “O pessoal do arroto em Brasília que se convença porque arroto não é diretriz para o velho PMDB de guerra. Não vamos concordar com acordo de jantar, com promessa de cargos em ministérios que transformam o partido em agência de empregos de quinta categoria”, disse.
Apontado por lideranças do partido, entre elas o governador gaúcho Pedro Simon, como alternativa do PMDB para a presidência da República, Requião desconversou e disse que a discussão de nomes é secundária, mas defendeu candidatura própria. “Qualquer partido deve pensar em ter candidato próprio à Presidência da República, se não tiver é legenda malandra, de aluguel nas mãos de alguns que se beneficiam disso”, afirmou.
O entusiasmo do governador ao combater os acordos que vêm de cima não foi o mesmo quando o assunto é a candidatura própria do partido na sucessão estadual. Questionado se o PMDB vai lançar candidato ao governo, Requião não foi enfático. “O Pessuti quer ser candidato e ele foi treinado numa boa escola porque é meu vice há 8 anos”, afirmou.
Sobre os efeitos de uma aliança nacional PT-PMDB no Paraná, o governador disse que ainda é muito cedo para avaliar porque tudo será decidido no próximo ano.

O vice-governador Orlando Pessuti reafirmou que quer ser candidato, mas que essa decisão não depende só de vontade própria. Uma ala do partido defende a aliança com o PSDB do prefeito Beto Richa, que também é pré-candidato a governador.
Durante a convenção, Doático Santos foi reconduzido à presidência municipal do partido e Carlos Moreira Junior, que disputou a eleição para prefeitura, é o novo vice-presidente. Entre os 13 membros da Executiva estão também o deputado estadual Alexandre Curi, o deputado federal Marcelo Almeida e o secretário de Segurança Pública do Paraná, Luiz Fernando Delazari.
26/10/2009

Um comentário:

Anônimo disse...

Sr. Moderador este é o homem que tenta mostrar que sabe o que esta dizendo...

"Quando me referi às paradas da diversidade, ocorriam-me os riscos que o abuso de hormônios femininos, com fins terapêuticos ou estéticos, representam para a saúde. Entre os riscos, o câncer de mama", explicou Requião, por meio de nota.

"Diversidade" = gay
"com fins terapêuticos" = pessoas com silicone ( será que é isso?)

Cadê o dono da razão, o corajoso, o valentão?
Agora em época de campanha ele pede desculpa e tenta mudar as coisas como sempre fez

REIquião Totonho!!!

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial