About us

PMDB DO PARANÁ NÃO ACEITA DECISÃO DE CIMA PARA BAIXO DIZ JOÃO ARRUDA

O PMDB do Paraná foi o primeiro a questionar a condução política, tomada pela direção nacional – leia-se Michel Temer e José Sarney – a respeito das alianças e da própria posição do partido nas eleições de 2010. Uma decisão de cima para baixo não vai mobilizar as lideranças estaduais, prefeitos, vereadores e muito menos a militância peemedebista. Decidir – antes de qualquer consulta ampla de todos os diretórios – se o PMDB vai com este ou com aquele partido, sem considerar a candidatura própria à presidência, é jogar pelo ralo o pratrimônio do partido: nove governadores, cinco vice-governadores, 91 deputados federais, 17 senadores, 172 deputados estaduais, 1.201 prefeitos, 910 vice-prefeitos, 8.497 vereadores. Além disso, o PMDB tem diretórios formados em 4.671 municípios, dois milhões de filiados e 15 milhões de simpatizantes. Nesse situação imposta por Temer e Sarney, fará com que as lideranças regionais procurem outros partidos, e não o PT, para as alianças majoritárias. Escrito por João arruda em seu Blog em 10/10/2009
PMDB DO PARANÁ NÃO ACEITA DECISÃO DE CIMA PARA BAIXO DIZ JOÃO ARRUDA PMDB DO PARANÁ NÃO ACEITA DECISÃO DE CIMA PARA BAIXO DIZ JOÃO ARRUDA Reviewed by FIQUE POR DENTRO JAGUARIAIVA on outubro 10, 2009 Rating: 5

Nenhum comentário:

Fique por dentro Jaguariaíva. Tecnologia do Blogger.